Notícias

Pacientes com dor orofacial crônica apresentam mais bruxismo

O bruxismo, hábito de apertar e ranger os dentes é comum em cerca de 15% das pessoas. Esses pacientes podem sofrer fortes dores de cabeça, desgaste dos dentes e distúrbios da articulação mandibular.
Normalmente este hábito ocorre à noite onde inconscientemente não se consegue ter controle das forças utilizadas nesta parafunção. O bruxismo pode ser observado em todas as faixas etárias e com prevalência semelhante em ambos os sexos. As causas deste problema podem ser a tensão emocional e o fechamento inadequado da boca.
Estudo realizado por pesquisadores da Faculdade de Odontologia da Universidade Estadual de São Paulo (UNESP), associados a pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) investigou os aspectos e as características clínicas dos pacientes com bruxismo com e sem dor orofacial.
Os resultados da investigação estão na edição mais recente do periódico especializado Oral Surgery, Oral Medicine, Oral Pathology, Oral Radiology, and Endodontology e mostram que foram encontradas diferenças estatísticas entre o bruxismo com e sem a dor facial crônica.
Além disso, os questionários aplicados permitiram a interação entre a queixa principal e os achados clínicos. Os autores da investigação observaram também que os níveis de depressão aumentaram com a presença de dor em diversas regiões do corpo. Para chegar a estas conclusões, foram analisados 100 pacientes, sendo 80 do sexo feminino.
Fonte: Oral Surgery, Oral Medicine, Oral Pathology, Oral Radiology, and Endodontology

Em caso de dúvida sobre o texto abordado, entrar em contato com a equipe da Clínica Odonto Family Centro de Especialidades Odontológicas Ltda. - Rua Duque de Caxias, 193 - Centro - Cascavel – PR – Fones: (45) 3038-5836 e 3224-5836.